quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Editorial


Caro Leitor!



  ´´O caminho da vida pode ser o da liberdade e da beleza, porém nos extraviamos. A cobiça envenenou a alma dos homens... levantou no mundo as muralhas do ódio... e tem-nos feito marchar a passo de ganso para a miséria e morticínios. Criamos a época da velocidade, mas nos sentimos enclausurados dentro dela. A máquina, que produz abundância, tem-nos deixado em penúria. Nossos conhecimentos fizeram-nos céticos; nossa inteligência, empedernidos e cruéis. Pensamos em demasia e sentimos bem pouco. Mais do que de máquinas, precisamos de humanidade. Mais do que inteligência, precisamos de afeição e doçura. Sem essas virtudes, a vida será de violência e tudo será perdido´´.

(O Último discurso, do filme 
O Grande Ditador) Charles Chaplin

Tema do Mês


A URGÊNCIA DE VIVER



   A matemática da vida não é simples. Cada soma é também uma subtração. 
 Quando somamos mais um ano àqueles que já vivemos, subtraímos um ano daqueles que nos restam para viver. 
  Esperamos demais para fazer o que precisa ser feito, num mundo que só nos dá um dia de cada vez, sem garantia do amanhã. 
  Enquanto lamentamos que a vida é curta, agimos como se tivéssemos à nossa disposição um estoque inesgotável de tempo. 
  Esperamos demais para dizer as palavras do perdão que devem ser ditas, para por de lado os rancores que devem ser ex-pulsos, para expressar gratidão, para dar ânimo, para oferecer consolo, para ouvir. 
  Esperamos demais para enunciar as preces, para executar as tarefas que estão esperando para serem cum-pridas, para demonstrar o amor que talvez não seja mais necessário amanhã. 
Esperamos demais nos bastidores, quando a vida tem um papel para desempenharmos no palco. 
  Deus também está esperando pararmos de esperar. Esperando  começarmos a fazer agora tudo aquilo para o qual este dia e esta vida nos foram dados. 
 - Meus amigos: é hora de viver!



Podemos acreditar que tudo que a vida nos oferecerá no futuro é repetir o que fizemos ontem e hoje. Mas, se prestarmos atenção, vamos nos dar conta de que nenhum dia é igual a outro. Cada manhã traz uma benção escondida; uma benção que só serve para esse dia e que não se pode guardar nem desaproveitar.
Se não usamos este milagre hoje, ele vai se perder.
Este milagre está nos detalhes do cotidiano; é preciso viver cada minuto porque ali encontramos a saída de nossas confusões, a alegria de nossos bons momentos, a pista correta para a decisão que tomaremos.
Nunca podemos deixar que cada dia pareça igual ao anterior porque todos os dias são diferentes, porque estamos em constante processo de mudança.

Paulo Coelho

Rita Elisa



Parábolas para Yasmin


Certo dia no sítio duas galinhas botaram ovos em dois ninhos distintos, porém um era pertinho do outro.    Uma das galinhas todos os dias saía sempre do ninho e deixava seus ovos fáceis para os predadores, enquanto que a outra saía do ninho pouquíssimas vezes. Ao notar isso o sitiante pegou dois ovos da galinha que sempre deixava o ninho e colocou-os juntos no ninho da outra galinha, a que quase não saía do ninho. Os pintinhos das duas galinhas nasceram na mesma época. Incrível que os pintinhos da galinha que quase não parava no ninho e que foram colocados para a outra galinha não reconhecem a verdadeira mãe. Para eles a Mãe é aquela que os chocou e agora cuida deles ensinando a ciscar e procurar comida. 


Yasmin, os filhos adotivos sabem respeitar e amar a mãe que os criou como uma verdadeira Mãe! 



A galinha d'angola que a mulher tanto cuidou foi atacada pelo cachorro e só sobraram penas da galinha. A mulher quando soube disso ficou triste. Chorou. Os sitiantes que moram perto e sempre viam a amizade entre a mulher e a galinha d'angola ficaram penalizados. Falaram em colocar uma armadilha para pegar o cachorro que estivesse matando as galinhas. A mulher disse que não, pois certamente ela desceria ao nível do cachorro se fizesse isso.

Yasmin, cada um tem uma natureza dentro de si. Ser bom é questão de viver em harmonia consigo mesmo. 


 Rita Elisa Seda  
Sítio Nhá Chica 

Ivani Izidoro


Pinheirinho ecológico






Em nossa cidade, não faz muito tempo, vivênciamos o que faz o descaso e a arbitrariedade: o  loteamento clandestino chamado Pinheirinho criado em anos, foi varrido de sua  existência  geográfica  em dias! 
Como no Pinheirinho, o lago Pararangaba do Pousada do Vale, sem aviso prévio,  foi exterminado!
Apesar de ter sido avisada por Dona Tereza, nossa ecologista artesã, só consegui ir ao lago  quando não tinha mais o que ser feito:  os meus amigos Caxinguis já tinham sido mortos pelos cachorros ou levados para serem comidos.  



Mas, se foi triste presenciar a  chacina dos animais de um lago que já foi rio, berço de muitas nascentes e casa de raras espécies, pior foi saber que o esvaziamento era  ação prevista no plano de revitalização da   Secretaria do Meio Ambiente de São José dos Campos, a cidade da tecnologia!
Inacreditável: limpar um lago como se limpa uma piscina é ação  revitalizadora! Só pode ser surto ambiental!
  Só em surto para esquecer  os cernes de toda preservação: habitat, diversidade e ecossistema.
 Onde ficou a educação ambiental, quando as crianças assistiram a  morte proposital dos animais, presenciaram  pessoas sádicas se divertindo e os chamando a usar aves indefesas de tiro ao alvo?
  Como falar de paz, quando adultos atiçam  seus cachorros a matar pelo simples prazer de caçar quem não pode se defender e não há punição?
 O que as crianças aprenderam quando comeram em suas casas: caxinguis bebes, peixes que se debateram sem água  e  patos presos na lama do esgoto?
Ditado velho e verdadeiro: A fala convence, mas o exemplo arrasta!
O Pinheirinho era um loteamento para pessoas sem teto, o nosso lago do Pararangaba, apesar da degradação e do esgoto,  era  moradia e refúgio para várias  espécies de animais e em especial  do CAXINGUI - NOSSO CASTOR BRASILEIRO.
No  Pinheirinho, houve movi-mento de desocupação e a sociedade foi mobilizada. Nossos animais não tiveram a mesma sorte, não foi pensado em dinheiro para removê-los e a morte de todos foi a solução mais econômica.
A sociedade já esqueceu das pessoas do Pinheirinho, mas a natureza nunca esquece e ela sempre devolve o que lhe é dado!
Na pura soberba de brincar de Deus, esquecemos: fazemos parte do ciclo da vida e temos uma única moradia coletiva insubstituível: o  nosso planeta.
No Pousada do Vale e bairros vizinhos constatamos esta verdade natural. Em consequência  direta  do esvaziamento do lago,  estamos   vivendo a invasão sem medida dos pernilongos.
No lugar do lago, formou-se  criadouro gigantesco para as famílias pernilongueiras e suas muitas gerações, loteamento  VIP -  com direito a lama de esgoto em céu aberto, lotes inteiros de poças de água   parada.
Nossos protetores naturais foram comidos ou mortos e agora,  para não sermos comidos pelos pernilongos ou exterminados pela dengue, gastamos e nos envenenamos com os inseticidas.



Já fazem algumas semanas que o lago foi destruído e confesso  que diante de tantos absurdos já estava acreditando que nada mais valia a pena .
Felizmente, entre as picadas dos pernilongos  e  ataques alérgicos causados pelos inseticidas,  achei a minha bandeira ecológica perdida no chão da minha alma.
 Ela me fez lembrar o que já há  muito tempo aprendi: quem silencia  também mata!

Ivani Izidoro
ivaniizidoro@hotmail.com   




PUBLICIDADE


PUBLICIDADE



Não deixe o Ryck Cell 
fora da suas compras de Natal!

Ryck Cell 
tem ótimas opções para você 
presentear neste fim de ano!

Reflexão


A generosidade é contagiante




Mais do que  inteligência, 
precisamos de afeição e doçura. 
Sem essas virtudes, a vida 
será de violência e 
tudo será perdido.






Quanto mais caminho, mais percebo o quanto o mundo anda sedento. As pessoas correm, sofrem, se desesperam e continuam buscando a felicidade como se essa fosse apenas uma miragem nesse imenso deserto que a vida se transformou.
  Há muita gente no mundo, milhares e milhares. Por-tanto, a solidão continua assolando vidas, maltratando corações que, no fim do dia e das contas acabam desa-creditando nas portas que se abrem a elas. Cada qual pensa no próprio eu e todo mundo se isola. Enquanto isso, a vida continua, cresce a indiferença, cresce o desamor, multiplicam-se as depressões e incompreensões.
  As pessoas sentem-se vazias e reagem como pessoas vazias. Vazias, pelo menos, de amor e caridade, mas cheias de tristezas e desilusões. Há, portanto, dentro de cada um de nós um poço de possibilidades e com-partilhar de si é deixar-se um pouquinho em cada um.
  Só não tem nada para oferecer quem possui um co-ração vazio, não as mãos. E acabar com a solidão de alguém é contribuir para o fim da própria solidão. Oferecer a esperança é dar-se a si uma nova chance, é reabrir portas, é descobrir o novo e entregar-se a ele.
  Há melhor presente no mundo que o dom de si? Há coisa mais bonita que saciar o coração de alguém? Devolver a esperança, por menor que seja ela, é dar às pessoas a oportunidade de descobrir o outro lado da vida, aquele que, embora um pouco esquecido, ainda existe.
  O dia tem 24 horas e parece muitas vezes que são insuficientes para fazermos tudo o que temos que fazer. Lamentamos a falta de tempo para isso ou aquilo e pensamos que um dia, quem sabe, se atingirmos a bênção da velhice tranquila, poderemos dar um pouco mais de nós aos outros. Quanto engano!
  Podemos dar de nós a cada dia e a cada hora, agindo com o coração e tendo uma atitude que nos torna diferentes em qualquer lugar. Pode-se resistir ao ódio por muito tempo, mas quem resiste à ternura, ao afeto, ao amor e à boa vontade?
  Quando as pessoas agirem com menos egoísmo e ao invés de ruminarem a própria infelicidade começarem a agir para o bem do próximo, as doenças da alma começarão a encontrar a cura e o amanhecer terá para cada um de nós um outro rosto, mais sereno, mais amigo e mais esperado.

Letícia Thompson

Inauguração da Patia Rotisserie e Doceria


Música

O Que Eu Fiz Ontem

Zé Ricardo e Thiago

Tom: G   Int.: 2x G D Em C


G                Em                C                D
Pelo tanto que você bebeu, não imagina o que aconteceu
G                       Em         c                       D
Vai no espelho e olha a sua cara, tá de olho roxo e a cabeça raspada
 G                    Em           C                  D       G
Vai na garagem e olha o seu carro tá todo sujo, todo amassado e essa aliança
 Em              C                  D
No seu dedo , ta doido meu amigo cê casou não tem mais jeito

Refrão 2x:

   G                   D              Em       C
Que, que eu fiz ontem a noite bebi de mais meu Deus eu casei come que faz
   G                   D              Em       C
Que, que eu fiz ontem a noite não e de ver meu Deus eu casei sem perceber

Intro 4x: G D Em C

G                 Em        C                 D
Pelo tanto que você bebeu, nem imagina o que aconteceu
G                        Em        C                            D
Vai no espelho e olha a sua cara, de olho roxo a cara toda amassada
G                      Em         C                 D    G
Vai na garagem e olha o camaro ele tá sujo, todo amassado e essa aliança
 Em               C                   D
No seu dedo , ta doido meu amigo cê casou não tem mais jeito

(Refrão)

Culinária


Sorvete de Gelatina

com Leite Condensado




















Ingredientes:

- 1 lata de leite condensado
- 1 lata de creme de leite
- 1 gelatina(qualquer sabor)

Modo de Preparo:


1. Faça a gelatina normalmente e não leve a geladeira.
2. Depois de pronta, ainda quente, coloque no liquidificador junto com o leite condensado e o creme de leite.
3. Bata bem.
4. Depois leve ao congelador em um refratário tampado para não formar blocos de gelo.
5. Depois de congelado, retire do congelador e bata na batedeira para ficar cremoso.
6. Volte para o congelador.
7. Está pronto, um sorvete fácil, prático e gostoso.


Bicho de Estimação













Flokinha, filhote de Shitzu, 
da Dona Maíra, eleita cliente 
do mês Tobby Pet.

Olá pessoal, gostaria de falar, sobre um vídeo que abalou a semana de quem leva seus cães em Pet Shop, onde o tosador espancava os cães.
Percebemos que as pessoas ficaram preocupadas com isso, e entendemos suas preocupações, afinal, quando você leva seu cão num estabelecimento desse tipo, é porque acredita que ele só irá sair de lá mais lindo e cheiroso. Por isso, nós do Tobby Pet, estamos aqui para dizer que estamos preparados para receber seu animal com carinho, pois fazemos o que gostamos, e sabemos que não estamos lidando apenas com ANIMAIS e sim com seres que muitas vezes são considerados como próprios "FILHOS"!

Agradecemos a preferência.
Obrigado 
ROBERTO ALVES 

Saúde Bucal


Orientações de Saúde Bucal
















IMPLANTE DENTAL

Constitui basicamente da introdução cirúrgica de um parafuso de titânio no osso maxilar ou mandíbula. Este parafuso substitui a raiz do dente, por isso é chamado de “raiz artificial”. É nele que se fixa a prótese dentária.
O implante proporciona conforto e eficiência na mastigação e na fala de forma bastante similar aos dentes naturais, além de devolver beleza ao sorriso e qualidade à saúde bucal.
PARA QUEM É INDICADO O IMPLANTE?
Você é um candidato ideal caso:
· Esteja faltando um ou mais de seus dentes
· Seu crescimento maxilar esteja completo
· Sua prótese removível não esteja confortável e/ou esteticamente adequada
· Sua prótese o deixe inseguro
· Tenha dificuldade na mastigação
· Necessite de auxílio nos movimentos dos tratamentos com aparelhos ortodônticos.
Finalidade do implante:
· Recuperar a função dos dentes e a beleza do sorriso, preenchendo espaços de dentes ausentes, condenados ou próteses removíveis e fixas, quando por algum motivo não agradam ao paciente
· Melhoria na qualidade da mastigação: com implante, a sobrecarga em dentes remanescentes diminui
· Frear a reabsorção óssea: o osso alveolar sustenta os dentes para permitir a mastigação. Quando a pessoa perde um ou mais dentes, esse osso perde sua função e é reabsorvido pelo organismo. Ocorrendo a reabsorção, as conseqüências estéticas e funcionais debilitam progressivamente a mastigação e a arcada dentária.
Fases do implante:
· Exames clínicos e diagnóstico: Nessa fase será avaliada a sua história clinica e efetuados os exames complementares.
· Cirurgia para instalação de implante: É um processo simples e particular a cada tipo de tratamento e paciente. Iremos orientar você sobre cada passo desse processo.
· Pós-operatório: A recuperação de um implante dentário é muito rápida.
Informaremos todos os procedimentos para que a sua recuperação ocorra de forma eficiente e sem dor. Se necessário, receitaremos medicamentos para ajudar na recuperação. É fundamental que o paciente siga à risca todas as instruções passadas.
· Moldagem, confecção e instalação da prótese dentária: Podem ser feitas imediatamente após a instalação dos implantes ou de 3 a 6 meses após a fase cirúrgica, dependendo do tipo de osso e do local do implante.
· Manutenção e higienização bucal: A manutenção a higienização adequadas são fundamentais para o sucesso do implante. Orientaremos qual é a melhor forma de você cuidar de sua prótese. Mas vale lembrar que uma correta higienização bucal e visitas periódicas ao dentista são essenciais.
Dúvidas frequentes: É um tratamento doloroso? Em todo processo, nossa preocupação é com o bem-estar do paciente. Apesar dos medos geralmente associados à imagem do dentista, a verdade é que a odontologia moderna dispõe de meios muito avançados para fornecer ao paciente um tratamento de primeira qualidade e sem dor, tanto na colocação dos implantes como nos dias seguintes ao procedimento.
Quais são os resultados?
Os resultados de implantes são estáveis. Mais de 93% dos casos são concluídos com sucesso. Uma boa higiene bucal e consultas de manutenção são essenciais para o bom funcionamento da prótese.
Quanto tempo dura o tratamento?
O tempo de duração do tratamento depende do caso de cada paciente. Iremos informar você após avaliarmos seu caso.


Dra. Vera Tenguan
crosp 42.020




A região do Novo Horizonte e adjacências tem novo vereador


quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Editorial



Caro Leitor!
Hoje há um clamor da sociedade em relação as promessas guardadas nas gavetas, estas cheias de bla bla bla, e nada se faz, a mortalidade infantil tem aumentado, a infância tem sido roubada pelo tráfico, pela pedofilia, e outros monstros que com suas malícias tem destruído o futuro do Brasil. Mas encerro meu comentário dizendo que apesar de tudo, devemos dar um viva as nossas crianças e nosso desejo de dias melhores. Abraço a todas as crianças!

Mensagem do mês



Não é tarde

Não é tarde para se sonhar
O céu ainda é azul há esperança.
É só olhar no olhar 
de uma criança.
No sorriso de uma mãe 
que deu à luz

Fernanda Brum






"Se a gente quiser modificar alguma coisa, 
é pelas crianças que devemos começar."
 Ayrton Senna


  Criança e esperança são palavras distintas. Diferem na ortografia, possuem número de sílabas diferentes e, apesar das duas serem substântivos, a primeira é substantivo concreto e a segunda abstrato. Mas, deixando a morfologia de lado, podemos afirmar que criança e esperança são sinônimos.
  A Declaração dos Direitos da Criança estabelece em alguns de seus princípios que toda criança tem direito ao amor e à compreensão, à proteção, a viver num ambiente de tolerância e amizade. Infelizmente os noticiários divulgam a cada dia tudo que é contrário a estes princípios. E nos espantamos com as atrocidades, e sentimos medo, afinal somos pessoas equilibradas, amáveis, lutamos para ser os melhores pais do mundo, os melhores tios, padrinhos e até os melhores professores. Pois vemos nas nossas crianças um futuro promissor. Nossas crianças não cursam apenas o ensino fundamental e médio. Elas também fazem curso de inglês, natação, ballet e judô. Isto tudo por que temos esperança nelas.
Talvez a violência contra os pequeninos revelada na mídia atual seja fruto de infâncias arrui-nadas. Pessoas que não aprenderam no caminho, não tiveram bons exemplos de seus pais, não tiveram diálogo em casa. Muitos são capazes de transformar o mal que receberam em bem, mas os que não curam suas mágoas dão continuidade aos erros de que foram vítimas.
  Atualmente além do mundo físico temos também o mundo virtual. Muitos adultos ainda tem dificuldades para se comunicar dentro deste mundo e são diversas as ferramentas de comunicação: orkut, msn, twitter, face, etc. Porém, as crianças tem mais facilidade de aprendizagem destas ferramentas. Acredito que o principal perigo do mundo virtual para elas é se comunicarem com pessoas as quais elas não conhecem. E esses estranhos virtuais são passíveis de se tornarem pessoais, ainda mais se a intenção não for boa. Se os pais não acompanham seus filhos nestas salas de relacionamento, fica difícil defendê-los. As crianças estão vulneráveis no lar, na escola, nas ruas e também na frente do computador.
  Diante de tantos males a esperança de um mundo melhor deve estar em nós, em nosso olhar ao olharmos pra elas. São as maiores no Reino dos Céus e delas é o Reino. Se não há esperança, não há futuro. E não pode haver futuro sem as crianças. 

“Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.”
 (Provérbios 22:6)


Rita Elisa

Parábolas para Yasmin

Ermitão


Certo homem foi visitar um amigo ermitão que morava no meio da mata, bem no centro de uma área onde ninguém passava, ninguém visitava, ninguém caçava, enfim, onde ninguém ia. Chegando lá encontrou o ermitão dormindo fora de casa. Era uma casa simples, de pau a pique, mas tinha porta, janelas e uma área na frente. Foi nessa área que o ermitão estava dormindo. Acordou o amigo e pediu para ele ir dormir dentro da casa. Que era dia, mas se ele queria mesmo dormir, devia ser pelo menos... na cama. O ermitão disse que há mais de uma semana não dormia dentro da casa porque havia uma cascavel embaixo da cama.  O certo homem sabia que de vez em quando aquele ermitão tinha momentos de falta de lucidez (por causa dos meses e meses que ficava na solidão da floresta) resolveu ajudar o amigo. Foi até o quarto e para provar que não havia cobra ali levantou o colchão. Foi quando uma enorme cascavel chacoalhou o guizo mostrando que ali era sua morada. O ermitão sorriu.  O certo homem matou a cascavel e deixou o amigo em segurança para dormir em paz.

  Yasmin, têm certas pessoas que por mais loucas que sejam ainda falam a verdade.


Passarinho

Certo homem fez um cochinho bem em frente à casa, perto do pomar, só para ficar olhando os passarinhos comerem a quirera de milho que ele cuidadosamente deixou ali. Ficou o dia todo aguardando seus amigos pássaros. Às vezes ele ficava sondando pela janela achando que os pássaros não iam ao cochinho porque o homem estava por perto. Os dias foram passando e a quirera ficou como no primeiro dia.  Os pássaros gorjeavam, voavam por cima das árvores, pulavam de galho em galho, mas não se davam ao luxo de ficar no cochinho. Até que o homem entendeu que existiam muitas frutas naquele pomar e os pássaros se alimentavam de bananas maduras, goiabas brancas, caquis vermelhinhos e abacates amarelinhos. Assim, os  passarinhos saciavam a fome. Desde então, somente no tempo da seca, quando não há muitas frutas é que o homem coloca quireras para os pássaros.
  Yasmin, tratar bem só para nossa conveniência não é certo. Deixar que as coisas acontecessem da maneira normal é que faz a diferença, não somos donos do mundo, estamos aqui de passagem para apreciar as belezas da natureza, contemplando a maneira natural delas serem.


Rita Elisa
www.palavrasdeseda.blogspot.com







Ivani Izidoro

ADOTE UM VOCÊ TAMBÉM!



  Em vésperas de dia do professor, descobri que não sirvo mais para ser professora ...
 As exigências para a profissão da educação são outras. O professor não pode ser só educador, precisa manter a ilusão que a escola pode ser mãe, pai, psicóloga, médica ou seja, ser sozinha a salvação da sociedade.
  Hoje, somos chamados despreparados pelos segmentos da sociedade. Concordo plenamente: nenhum professor, nenhum profissional está preparado para ser constantemente coagido a deixar seus direitos de segurança e respeito para continuar trabalhando.
  Longe do pieguismo de ser uma profissão de sacerdócio, a prática docente sempre me mostrou que só posso profissionalmente exercer a docência se for HUMANA.
  E toda convivência só pode ser humana, se for permeada por valores recíprocos de: amor, paz, verdade, ação correta e não violência.
  Na escola, estes valores viraram assuntos e direitos só de minorias (detalhe: o professor não está incluído). Bullying, preconceitos, inclusão, saúde viraram matéria obrigatória, até fazer coleta de fezes e levar para fazer exames de sangue virou função da escola.
  Triste realidade brasileira de todo o nosso país: nossos políticos CRIATIVOS (que nunca entraram em uma sala de aula), estão sempre inventando e mandando distribuir apostilas milagrosas de “solução certa” dos problemas sociais, gastando fortunas dos cofres públicos e pior: sendo aplaudidos.
  Vivemos o radicalismo, perdeu-se o bom senso!
  A intervenção educativa é crime passível de punição ao professor, pois virou modismo considerar que aluno com falta de educação tem hiperatividade e sem limites com certeza é vítima de síndrome. Um colega falar ao outro a sua opinião: bullying. Nota baixa, traumatiza. Nota alta: CDF excluído. Professor chamar atenção de um aluno em sala é humilhação, ser xingado, ameaçado é falta de competência. Filho quebrou, bateu, o pai apoia e ainda diz: Chama o conselho Tutelar! E, vamos indo...
  Em uma sociedade em que não é bom ser bom, reforçamos na escola essa realidade, permitindo que 33 alunos sejam obrigados a agüentar 5 que batem, destroem, ameaçam e porquê? Coitados – tem problemas.
  Lembro da fala de Machado de Assis: “a existência de uma lei não muda as pessoas!” Por isso, o Estatuto do Menor e do Adolescente é um grande avanço no legislativo e um fracasso na prática. Esqueceram que todo direito está atrelado a um dever: o direito de cada um anda junto com o do outro e não depois do outro.
 Nós, professores, não estamos despreparados, estamos carentes! Somos profissionais abandonados e precisamos de proteção.
 Faço um apelo: ADOTE UM PROFESSOR! Só queremos para nós, o que tentamos ensinar e queremos para nossos alunos: direitos iguais quando a diferença prejudica e diferentes quando a igualdade desumaniza!
 A retomada do bom senso e do afeto podem ser um bom começo...
 Esqueci!
 Não podemos ter afeto (esta palavra está sendo abolida de nossas salas de aula), a escola é laica, somos laicos!
 A lei tirou das escolas a maior presença de afeto que existe - Deus!


Ivani Izidoro
vani Izidoro@hotmail.com       

domingo, 14 de outubro de 2012

Receita Culinária













Panna Cotta 

de Chocolate com Calda 

Ingredientes:

• 80g de chocolate meio amargo picado
• 200 ml de creme de leite
• 100 ml de leite
• 20g de açúcar
• Meio pacote de gelatina sem sabor
• ½ colher de baunilha

Ingredientes da calda:
• 60g de chocolate meio amargo
• 1 colher de sopa de açúcar

Modo de Fazer:

  Hidrate a gelatina em 50ml de leite por 5 minutos. Misture o creme de leite, o açúcar e o restante do leite e levar ao fogo mexendo até ferver, depois retire do fogo e acrescente o chocolate picado até dissolver, depois que tiver morno acrescente a gelatina hidratada e a baunilha, em seguida coar e colocar em taças e colocar na geladeira. Calda modo de fazer: derreta o chocolate em banho Maria e coloca o açúcar até atingir a consistência desejada.

Hortt Shopping


Frutas Verduras e Legumes 

Com a Qualidade Que Você Merece!!!!!!!!!


Bicho de Estimação












Flica e Bob, 

filhotes da raça Bull Terrier

Conheça esta raça Bull Terrier


   As características do bull terrier, tal qual o conhecemos hoje, foram fixadas a mais ou menos um século, e em sua origem, encontramos muito do bulldog, que foi criado para lutar contra touros em exibições públicas.
  Também foi usado para caçar ratos e hoje em dia é um grande guarda e ótimo companheiro.
Alguns criadores, buscando exemplares mais ágeis, e lutadores imbatíveis, cruzaram o bulldog com o antigo terrier inglês branco, muito difundido na época.
  Os primeiros exemplares obtidos mostraram-se muito volumosos, e diferentes entre sí. Mais tarde, através de cruzamentos com o dálmata e terriers ingleses brancos, o bull terrier tornou-se o cão ágil e forte que conhecemos hoje.
  O bull terrier é uma raça obediente e tolerante frente a disciplina. É um cão de constituição sólida, ativo, simétrico, de expressão profunda, decidida.
  Os olhos da raça bull terrier são fundos, pequenos, amendoados, o mais escuros possível, de olhar penetrante.
  As orelhas são eretas, finas, próximas entre si. A cauda do bull terrier não é muito curta, de inserção não muito alta. A pelagem da raça é curta, compacta, reluzente, um pouco dura ao tato.
  Não há limites para a altura e o peso do bull terrier, mas o cão deve dar a impressão de máxima substância para seu tamanho, em coerência com as suas qualidades e sexo.

www.tobbypet.com.br
3021-5467 / 3907-7615

Música

Tanta Coisa














Paolo




Tom: C   

Int.: G D Em C




G              D          Em
Esse olhar de lua crescente
            D          C
Sorriso inocente do sim
                 Am        D
Sei que eu quero você para mim
G                 D         Em
Se o sol não incendeia a gente
                D      C
Deixa carente o lado ruim
               Em           F
De quando você não está em mim
G               D       Em
É tanta coisa pra te falar
                 D          C
Ou simplesmente poder te olhar
Am         D
Poder te sonhar
G             D               Em
Tanta gente e eu me sinto tão só
G             D               Em
Tanta gente e eu me sinto tão seu
          C
Será porque
       Am        D
Meu sonho me esqueceu
G                       D         Em
Tanta coisa que eu não soube dizer
G                       D         Em
Tanta coisa que eu não soube querer
          C      D     G
Porque viver é amar você.

Saúde Bucal

Orientações de Saúde Bucal

Alimentação Saudável

  Os hábitos alimentares são adquiridos a partir dos primeiros dias de vida do bebê. Iniciam-se com o aleitamento materno, que deve ser preferencialmente até os 6 meses de vida, e que é importante para o desenvolvimento ósseo e muscular.
  Após a erupção dos primeiros dentes, os alimentos sólidos são importantes para o exercício da mastigação. Assim que possível, deve-se restringir o uso da mamadeira, substituindo-se pela alimentação sólida.
  A dieta deve ser equilibrada com frutas, verduras, legumes, carnes, ovos, leite, cereais, entre outros. Alguns alimentos como o peixe, podem favorecer a cicatrização além de evitar processos inflamatórios. Deve haver monitoramento dos horários das refeições, evitando-se, principalmente, alimentos açucarados e ácidos (limão, vinagre. etc) entre elas, pois os mesmos diminuem o pH do meio bucal (tornam o meio bucal mais ácido). Consequentemente, os dentes ficam mais vulneráveis à doença cárie. A erosão ácida provoca a quebra do esmalte, formando uma cavidade, desencadeando sensibilidade nos dentes. Para previní-la não devemos ingerir ácidos com freqüência. Os alimentos açucarados pegajosos e/ou sólidos (balas de goma, biscoitos recheados, caramelos. etc) podem causar mais lesões cariosas que os líquidos (refrigerantes, suco adoçado). Quanto maior a frequência de ingestão destes alimentos e quanto mais próximo do horário de dormir, maior o risco de formação das lesões cariosas. Portanto, logo após o consumo de doces e alimentos ácidos, é necessário a escovação.



Venha conhecer!

Reflexão






Onde Deus Quer 

que Eu Esteja...

  Eu ouvi a história de um trabalhador que nunca conhecerei, mas sei que Deus queria que eu soubesse dessa história!
  Ele era chefe de segurança de uma empresa, a qual convidou os remanescentes de outra, que tinha sido dizimada pelo ataque às torres gêmeas, para dividir espaço em seu escritório.
  Com sua voz cheia de admiração, ele contou histórias que explicavam porque essas pessoas estavam vivas, enquanto seus colegas estavam mortos.
  Todas as histórias tratavam de pequenos detalhes…
  Talvez você saiba do diretor de empresa que chegou tarde porque aquele era o primeiro dia de seu filho no jardim de infância.
  Outro colega estava vivo porque era o seu dia de trazer rosquinhas.
  A história que mais me chamou atenção foi a do homem que estava estreando um par de sapatos naquela manhã.
  No caminho para o trabalho, formou-se uma bolha em seu pé. Ele parou em uma farmácia para comprar um Band-Aid. É por isso que ele está vivo.
  Agora, quando estou preso no trânsito, perco o elevador, volto para atender o telefone…. Todas essas pequenas coisas que me irritam… Eu penso comigo: ali é o exato lugar onde Deus quer que eu esteja naquele exato momento. Que Deus continue a abençoar-te com esses pequenos aborrecimentos.
  Você já esteve alguma vez parado, acomodado em algum lugar, e de repente veio uma vontade de fazer algo de bom por alguém de quem você gosta…
  É DEUS… Ele fala com você através do Espírito Santo.
  Você já esteve pensando em alguém que não via há tempo, e em seguida o(a) encontra, ou recebe dele(a) um telefonema ou uma carta…
  É DEUS…“coincidências” não existem.
  Alguma vez você já recebeu algo de maravilhoso que nem pediu, como uma dívida que misteriosamente foi sanada, ou um vale de loja onde você acabou de ver algo que queria, mas não podia comprar…
  É DEUS… Ele conhece os desejos do seu coração...
  Você já não esteve em uma situação em que nem tinha uma pista de como iria melhorar, e que agora está superada...
  É DEUS... Ele nos ajuda a passar pelas tribulações para que vejamos dias mais brilhantes...

Grupo DEUS É +




Parabéns 
a essas crianças 
que se 
dedicam a esta obra 
que evangeliza 
e com certeza 
enche os 
olhos de DEUS 
de Alegria.

Especial Dia das Crianças

C R I A N Ç A



  Entre a inocência da infância e a compostura da maturidade, há uma deliciosa criatura chamada criança.    Embora se apresentem em tamanho, pesos e cores sortidos, todas as crianças tem o mesmo credo: aproveitar cada minuto de todas as horas de todos os dias e protestar ruidosamente (pois o barulho é sua única arma) quando seu último minuto é decretado e os adultos os empacotam e os colocam na cama.    Crianças são encontradas em toda parte: em cima de, embaixo de, dentro de, subindo em, balançando-se no, correndo em volta de, pulando para...

  As mães as adoram, irmãos e irmãs mais velhos as suportam, adultos as ignoram, o céu as protege.
  Uma criança é a verdade com o rosto sujo, a beleza com um corte no dedo, a sabedoria com um chiclete no cabelo, a esperança do futuro com uma rã no bolso.
  Quando você está ocupado, uma criança é uma conversa fiada, intrometida e amolante.
  Quando você deseja que ela cause boa impressão, seu cérebro vira geléia ou ela se transforma numa criatura sádica e selvagem empenhada em destruir o mundo ao seu redor. Uma criança é um ser híbrido: o apetite de um cavalo, a energia de uma bomba atômica de bolso, a curiosidade de um gato, os pulmões de um ditador, a imaginação de um Júlio Verne, o retraimento de uma violeta, o entusiasmo de um bombeiro e quando se mete a fazer alguma coisa é como se tivesse cinco polegares em cada mão. Gosta de sorvete, canivete, serrote, pedaços de pau, bichos grandes, dos pais, sábados, domingos e feriados e mangueiras
d´água. Não é partidária do catecismo, escola, livros sem figuras, lições de música, colarinhos, barbeiros, agasalhos, adultos e "hora de dormir". Ninguém se levanta tão cedo , nem chega tão tarde para o jantar.    Ninguém se diverte tanto com árvores, cachorros e mosquitos. Ninguém é capaz de colocar num só bolso: um canivete enferrujado, uma maçã comida pela metade, um metro e meio de barbante, um saco plástico, dois chicletes, três moedas, um estilingue e fragmentos de substância ignorada. Uma criança é uma criatura mágica; você pode mantê-la fora de seu escritório, mas não pode expulsá-la de seu coração. Pode pô-la fora da sala de visitas, mas não pode tirá-la de sua mente. Queira ou não, ela é seu captor, seu dono, seu patrão, um nanico, um saco de encrencas. Mas, quando, a noite você chega em casa com suas esperanças e seus sonhos reduzidos a pedaços, ela possui a magia de soldá-los num segundo, pronunciando duas simples palavras: "oi papai, oi mamãe"....

Magia Infantil

Nas mãos das crianças o mundo vira um conto de fadas, porque na inocência do sorriso infantil,
tudo é possível, menos a maldade.
Crianças são anjos,
são pedaços de Deus que caíram do céu para nos trazer a luz viva
que há de fazer ressuscitar a verdade que vive escondida em cada um.
De braços abertos a criança não cultiva inimigos,
sua tristeza é momentânea.
De olhos abertos a criança não enxerga o feio, o diferente,
apenas aceita o modo de ser de cada um que lhe dirige o caminho.
De ouvidos atentos a criança gosta de ouvir tudo
como se os sons se misturassem formando uma doce vitamina de vozes,
vozes que ela pode imitar, se inspirar para crescer.
Questionando, brincando, a criança está sempre evoluindo,
achando esse mundo um Paraíso,
mas a criança sabe no seu interior o que é o amor
e quer sugá-lo como se fosse seu único alimento,
não lhe dê uma mamadeira de ódio,
pois com certeza sua contaminação seria fatal e inesquecível.
Criança me lembra: cor, amor, arco-íris, rosas,
doce de brigadeiro,
tintas das cores: vermelha, laranja, azul, amarelo;
me lembra cachoeira, pássaros, dia de festa.
Ser criança é estar de bem com a vida,
é ter toda a energia do Universo em si.
Feliz Dia das Crianças!


domingo, 16 de setembro de 2012

Editorial




Caro leitor!

É primavera...


Não há como ignorar que dentre as quatro estações, essa é a que mais nos traz inspiração. Ela representa a renovação da vida. A primavera com suas flores exuberantes e seu colorido ímpar, sempre nos inspira à esperança. Nesta edição os textos nos ensinam que devemos viver intensamente e que a vida é tão bela quanto a Primavera!

Boa leitura!

Primavera

Chegou a Primavera!!!








Enfim, a primavera chegou! Uma estação do ano linda, cheirosa e colorida, principalmente pela chegada das flores! A primavera dá uma sensação de liberdade, não é? Dá vontade de estar nas ruas, nos parques… até o cheiro da cidade muda para melhor! Parece que ficamos mais dispostos para curtir a vida, não é?!
  É nessa época que nos inspiramos para decorar nossas casas com muitas flores na-turais ou artificiais. O mais importante é que o astral da casa esteja nas alturas! As flores deixam o ambiente colorido, enfeitam e dão um ar de festa! Azul, amarela, vermelha… todas são lindas!
  Existem vasos de flores para todos os bolsos, ou seja, não há desculpas para deixar de levá-las para casa. Você pode escolher crisântemos, kalan-choe ou lírios, por exemplo, que têm o preço super em conta e são tão coloridos e alegres quanto as rosas!
  É já que é tão agradável ter flores em casa, por que não criar o hábito de comprar pelo menos um vasinho toda semana? Hoje, além das floriculturas, é possível encontrar flores também nos supermercados, que têm um setor só para elas. Lembre-se de pesquisar como cada uma delas deve ser cuidada, levando em conta que cada uma tem sua característica, como preferência por sol ou sombra, maior ou menor quantidade de água para regar, etc.
  As flores são inúmeras, com muitas cores, formas e cheiros! Aproveite este artigo como inspiração, para comemorar a chegada da primavera. Celebre fazendo um lindo arranjo!

:) E viva a primavera!!!

Rita Elisa

Parábolas para Yasmin

















Algumas pessoas estavam no sítio fazendo um processo de autoavaliação. Dentre as motivações estavam a procura de algo na natureza relacionado à personalidade de cada um. Alguns se viram em uma pedra, outros em diferentes formas de folhas e gravetos.
  O passo seguinte era levar para o encontro esse elemento natural. Foi quando uma das pessoas apareceu de mão vazia, pois se identificou com uma enorme gota d’água na folha de uma couve. Não teve como levá-la, pois ao pegar a gota ela espatifou-se e desapareceu.

Yasmin, mesmo que uma gota possa refletir o universo em sua volta... é apenas reflexo. Cada pessoa tem uma personalidade que brota de seu interior e nunca do reflexo do que está fora dela.










Logo de manhã, certa mulher saiu para cuidar da horta e aguar o jardim. Foi no caminho que se lembrou de que era dia de domingo e resolveu parar. Sentou-se no banco perto da casa e ficou olhando a paisagem. Foi quando viu algo diferente no céu. Foi até a casa onde o homem trabalhava em novo projeto para a chaminé do fogão à lenha. Ela falou para ele que lá fora algo inusitado acontecia, traços de nuvens eram sugadas pela antena de celular. Algo inovador, ele precisava ver. O homem achou que era muita imaginação da mulher, mas, mesmo assim, foi ver o tal fenômeno. Ficou satisfeito com o que viu e eles passaram toda a tarde de domingo admirando o céu.

Yasmin, mostrar as belezas que vemos é compartilhar sentimentos. Mesmo que seja algo surreal, que é incrível de acreditar, mesmo assim convide a pessoa para uma experiência nova. Afinal o que lhe faz feliz fará feliz, também, os amigos.

Ivani Izidoro

Lembranças

  Outro dia, viajei em uma caixa, acompanhada de passageiras silenciosas e imensamente comunicativas cha-madas fotografias!
  Silenciosas pelo mudo papel, comunicativas pelo discurso das lembranças; as fotografias são mágicas congeladoras do tempo e de felicidade.
  Fotografias: imagens escritas na alma, tiradas em momentos únicos que desejamos guardá-los!
  Capazes de transformar a nossa existência em recordação do outro, possuem tanto poder sobre nossos sentimentos que, quando são motivos de tristeza apagamos, rasgamos, separamos, buscando retirar ou reter lembranças do que ficou preso naquele segundo do flash.
  Por isso, é comum os álbuns de casamento depois de uma separação, serem desmontados e suas fotografias cortadas ao meio. Constatação dolorida e difícil de ser superada pois, o nosso amor vivo em foto não é mais nosso pior, anda em outras fotos.
  As fotografias estão fundidas em nós, trazem a nossa história pessoal em um segundo de vida, de um olhar, de um sorriso... Fotografia é a presença na ausência como diz Rubens Alves!
  Pra mim, são registros de necessidades humanas que nos diferenciam dos animais: celebração e desejo de ser eterno.
  E, neste delírio fotográfico de viagem, lembrei das fotos digitais!
  Verdade verdadeira: foto digital não é a mesma coisa que foto papel.
  As fotos digitais trouxeram a quantidade, a falsidade do fotoshop e perdemos a poesia dos detalhes, do toque, do manuseio.
  Fotos de papel podem ser perdidas dentro de casa e podem ser encontradas, digitais quando perdidas nunca mais são recuperadas.
  Na caixa, viajei com algumas já senhoras de longa idade com lindas e significativas histórias de celebração: aniversários, encontros, formaturas...
  Parei nas minhas fotos e me espantei: vi mudanças de pessoas que já fui, de olhares que já tive e achei outras que construí.
  Vi de mim fotos em pessoas que partiram, momentos que nunca mais serão repetidos – vivos!
  Assim, quando guardei a caixa para perdê-la novamente, não era a mesma do início da viagem.
  Meu olhar encontrou o cotidiano de facilidade e estou no plantio de idéias:
  Decidi transformar o desejo de lutar contra o superficialismo do computador em semente: vou agora mesmo plantar fotos digitais em uma incubadora chamada pen drive e revelar flores para serem colhidas e serem colocadas, mostradas em vaso papel.

Reflexão

O tempo da primavera em nós

 
Para saudar a primavera tratei as plantas. Cortei os galhos secos. Revirei a terra e acrescentei húmus. Lavei as folhas, retirei a poeira. No inverno não é bom mexer com elas. Preferem ficar quietinhas e recolhidas. A energia se volta para dentro. Por fora parecem feias e sem vida. Mas lá, no interior escuro, algo se processa. É tempo de preparar um novo galho, que expandirá seu brilho na forma de uma nova folha, flor, fruto. Quando chega a primavera, a natureza sabe que é tempo de vir para fora em toda a sua plenitude, mostrar a beleza que carrega em si, construída lentamente, num processo silencioso e continuo.
  O mito nos conta, que a deusa Perséfone, quando jovem, foi raptada por Hades. Deméter, sua mãe e senhora da terra e das colheitas, fez um trato com o deus do mundo subterrâneo. Eles acordam que durante seis meses a jovem ficaria com ele, no mundo de dentro e depois, por outros seis meses, permaneceria na companhia da mãe, no mundo de fora. Quando ela chega à superfície, tudo floresce e madura. Quando ela volta para Hades, a natureza se contrai e se volta para o interior.
  Cuidar do jardim metaforiza o ato me cuidar, para fazer a primavera acontecer em mim. No meu inverno, tempo de recolhimento, calada eu gero, o que potencialmente já existe. Quando a primavera se aproxima, eu também devo limpar minhas sujeiras que impedem o livre respirar, cortar o galho que não tem mais seiva, me adubar com terra boa e nutrientes, renovar a cons-ciência dos ciclos da natureza. Tudo nasce, cresce e morre. Até um pensamento, uma forma de se olhar.
  Primavera é tempo de se florir, deixar surgir novas ideias, novas formas de se lidar com as coisas, de desa-pegar e permitir que o belo que nos habita se espalhe na superfície. Tempo de se maravilhar com a vida, que explode em cores e perfumes, se deixar tocar pelo sonho que origina o movimento para o novo. É tempo de ver as coisas com os olhos da alma, e se assombrar com o que poderá se enxergar.

Cris Carvalho

Para Refletir


Reflitam...  

``Algumas vezes a vida exige que nós enfrentemos com
coragem os nossos maiores medos. Você gosta de desafios?
Você esta preparado?´´

  Era uma vez, um riacho de águas cristalinas, muito bonito, que serpenteava entre as montanhas.
  Em certo ponto de seu percurso, notou que a sua frente havia um pântano, por onde deveria passar, olhou, então, para Deus e protestou: "Senhor, que castigo!...".
  Eu sou um riacho tão límpido, tão formoso e você me obriga a um pântano sujo como este? Como faço agora?".
  Deus respondeu: "Isso de-pende da sua maneira de encarar o pântano".
  "Se ficar com medo, você vai diminuir o ritmo do seu curso, dará voltas e inevitavelmente acabarás misturando suas águas com as do pântano, o que o tornará igual a ele.
  Mas, se você o enfrentar com velocidade, com força, com decisão, suas águas se espa-lharão sobre ele, a umidade as transformará em gotas que formarão nuvens e o vento levará essas nuvens sobre o oceano. Ai, você se transformará em mar."

   *************************
 
 Assim é a vida... As pessoas engatinham nas mudanças...
 Na maioria das vezes quan-do ficam assustadas, paralisadas, pesadas, tornam-se tensas e perdem a fluidez, a força...
 É preciso entrar pra valer nos projetos da vida, até que o rio se transforme em mar.
 Se uma pessoa passar a vida toda evitando o sofrimento, também acabará evitando o prazer que a vida oferece.
 Há milhares de tesouros guardados em lugares onde precisamos ir para descobri-los.
 Há tesouros guardados num projeto, numa praia deserta, nas montanhas, numa noite estrelada, numa viagem inesperada, numa busca dese-jada...
 O mais importante é ir ao encontro deles..., ainda que isso exija uma boa dose de coragem e desprendimento.
 Não procure sofrimento. Mas, se ele fizer parte da conquista, enfrente-o e supere-o.
 Arrisque, ouse, avance na vida. Ela é uma aventura gratificante para quem tem coragem de arriscar

Publicidade


Saúde Bucal

Clareamento Dental


O Núcleo Odontológico Dra. Vera Tenguan agora dispõe de Clareamento Dental à laser. Muito mais prático e rápido.
  Ligue e marque uma consulta, afinal um belo sorriso ativa a auto estima, rejuvenesce e expressa confiança e alegria.
  Existe o clareamento caseiro, na qual o paciente dorme com o gel na moldeira por aproximadamente entre 2 a 3 semanas. E o clareamento à laser que é realizado no consultório em até 3 sessões clínicas de aproximadamente 45 a 60 minutos cada.
  Qualquer pessoa pode fazer o clareamento, mas é imprescindível que a saúde bucal do paciente seja avaliada por um cirurgião-dentista.
  A incidência de sensibilidade depende muito de cada paciente, quando existe, é facilmente solucionada com produtos específicos.
  O dente não fica mais frágil, o que pode ocorrer é uma perda mineral que será revertida pela ação da saliva. Saúde e bem estar é uma conquista diária, um belo sorriso também!