terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Editorial

Caro leitor

Estava começando a preparar a edição de Natal e precisava da Música, foi quando meu filho Matheus de 12 anos me falou da música A PAZ do Grupo Roupa Nova onde a introdução do video tem uma voz de criança dizendo assim:

``è preciso pensar um pouco nas pessoas que ainda vem. Nas crianças!
A gente tem que arrumar um jeito de deixar para elas um lugar melhor, para nossos filhos e para os filhos de nossos filhos. Pense bem!!!´´
Esta introdução da música na minha visão representa muito bem O NATAL e o porque de representar todo ano o Natal, com o nascimento de Jesus.
Jesus chega como criança no dia 25 de dezembro para mostrar que devemos cuidar do futuro da humanidade, as CRIANÇAS e deixar para elas um mundo cada vez melhor.
2010 se vai e se aproxima 2011 cheio de esperanças e mais uma vez renovamos os votos de que a ...

FÉ   PAZ

UNIÃO  SAÚDE

AMOR  ESPERANÇA

Prevaleça e o ano novo seja repleto de mudanças para melhor!

Feliz Natal e Boas Festas

Equipe Visão Vale

Agradecimentos!

A Equipe do Visão Vale Agradece à todos os nossos anunciantes, que nos ajudaram a levar nossa mensagen ao longo do ano de 2010. A nossa amiga Rita Elisa que sempre deixa nossas páginas repletas de  emoção e principalmente com um gostinho de quero mais além de trazer muita cultura e aprendizado.  E aos votos de incentivo de nossos leitores para que continuemos este trabalho em 2011. Um Natal muito abençoado à todos e muita paz neste ano novo que se aproxima e mais uma vez, MUITOOOOOO OBRIGADOOOO!!!!  

Mensagem!


Não havia Lugar

Quando chegou o tempo previsto para Maria dar à luz, procuraram um lugar para que a criança nascesse. Mas portas foram fechadas e, com tantas casas, não havia lugar. 
Meu coração sempre doeu ao ver isso nas representações do Natal, por que eu nunca entendi como corações podiam ser assim tão endurecidos. Havia lugar para tantas coisas, mas não havia para o Mestre de todos os mestres.
  E hoje ainda é assim. Há lugar para muito em nossas vidas. Temos dias repletos, preenchemos com coisas que nos fazem bem, outras nem tanto, ganhamos tempo aqui, perdemos aqui... mas para Jesus ainda não há lugar!...
  Nós, que nos julgamos bons, sensíveis e sábios, acolhemos a vida, não somos diferentes das pessoas que disseram não quando Jesus devia vir ao mundo. Nós também nem sempre damos lugar. E Ele continua Sua estrada... à procura de uma porta aberta, uma vida disposta a recebê-lo.
  Penso nas pessoas que naquela época perderam a oportunidade de ver nascendo em suas casas o próprio Filho de Deus, Rei de todos os reis, Senhor de toda a terra.
  Que isso sirva para nossa reflexão: perdemos bênçãos nas nossas vidas por que não sabemos dar lugar, não sabemos abrir a porta e acolher.
  Diz a Bíblia: “Guardai a hospitalidade, pois muitos sem saber hospedaram anjos.”
  Que nossos corações possam ter todas as portas e janelas sempre abertas a Deus e aos outros, não só no Natal, mas em todos os dias do ano!...

Tenham um maravilhoso Natal!

fonte: www.leticiathompson.net

Crônica de Natal - Rita Elisa

  Juventude, época boa que não volta... jamais. Ser jovem é comungar Fernando Pessoa tendo em si todos os sonhos do mundo. Ser jovem é falar pelos cotovelos, é mudar de humor no dia a dia, às vezes, de hora em hora. Ser jovem é ter hormônios aflorando por todo o corpo.
  Foi nessa convergência entre o ser e o poder, que jovem, com apenas 14 anos, tive um Natal diferente. Resolvi, com o aval de meus pais, passar o Dia de Natal com os velhinhos no asilo São Vicente de Paulo. Um ano antes, tinha perdido minha avó, italiana da Sardenha, mulher forte de nome Josefa, mais conhecida como Pepa. Dormíamos no mesmo quarto, minha madrinha de batismo, por isso esse apreço especial. O Natal seria diferente sem ela.
  Fui para o asilo logo de manhã, passei de quarto em quarto conversando com os internos. Todos sabiam que aquele era um dia especial. Alguns cantavam, outros choravam. Até que entrei no quarto de uma velhinha que mal podia respirar, estava com “sororoca”, lembrei-me da vó Pepa. Resolvi ficar instantes a mais com a velhinha doente. Puxei uma cadeira, sentei-me, ela me estendeu a mão. Mão clara salpicada de pintas e manchas senis, pele mole, veias saltadas, unhas grandes e fracas. A palma da mão cheia de calos indicava que até pouco tempo ela tinha trabalhado duro. Num ímpeto de serenidade eu beijei aquela mão. Foi o suficiente para ver um esboço de sorriso nos lábios da mulher que me olhou com olhos azuis de admiração, como se eu tivesse feito a melhor coisa do mundo. Não conseguiu falar, mas sorriu... às vezes o sorriso fala mais do que mil palavras. Segurou firme minha mão e fechou os olhos. A força da mão dela me deixou paralisada. Passei horas assim, presa a uma velhinha desconhecida, unida pela ponte das mãos.
  Pessoas entravam e saíam do quarto e eu ali. De repente senti a força da mão dela diminuir, levantei-me e vagarosamente fui colocando aquela frágil mão em cima do colchão. No momento que ia largá-la, percebeu, e para meu espanto, apertou a minha mão com mais força, tanto que, no susto, sentei-me novamente. O som da respiração piorou. Apareceu uma Irmã de Caridade, achei que era hora de sair, mas aquela mão não me largava. Ainda me lembro do cheiro doce de magnólia que a mão exalava. Tossi, limpei a garganta, fiz de tudo para que a velhinha abrisse os olhos, para que eu pudesse me despedir e sair. Foi somente quando eu falei “Feliz Natal” para a Irmã, que a velhinha abriu os olhos e me fitou novamente. Falou algo, mas as palavras vieram acompanhadas de muita tosse. Até que a “sororoca” cessou, os olhos dela brilharam, largou a minha mão e tentou se ajeitar na cama. A cura. Eu fui ajudar. Apoiei meu corpo no dela para puxá-la para cima... inesperadamente ela me abraçou com força. Ouvi nitidamente “Feliz Natal Camila” sussurrado ao meu ouvido. Já ia lhe responder quando senti o corpo dela amolecer em meus braços. Acomodei-a como quem cuida de um pássaro ferido. A Irmã fez uma oração e saiu. Eu ainda fiquei ali olhando para minha vovozinha postiça que teve tempo de se despedir de sua Camila, também, postiça!
  Cheguei em casa chorando. A partir daí meus pais impetraram a ordem de que Natal era dia de ficar com a família... e pronto. Acho que tomaram essa decisão porque eu não parava de chorar, passei horas e horas me esvaindo em lágrimas. Mas, cá para nós... acho que foi por causa do excesso de hormônios.




Rita Elisa Seda

www.ritaelisaseda.com.br

Aniversariantes do Mês!

Parabéns!!!!







              

Paulista Futebol Clube

Aguardem!!!

Receita Culinária

Torta Gelada de Chocolate


Ingredientes

• 4 ovos

• 2 xícaras (chá) de leite
• 100g de manteiga, em temperatura ambiente
• 2 xícaras (chá) de açúcar
• 1 xícara (chá) de Chocolate em Pó Solúvel
• 2 xícaras (chá) de farinha de trigo
• 1/2 colher (sopa) de fermento em pó
• 1 pote de Sorvete de Chocolate(2 litros)
• 1 lata de Creme de Leite
• 1 tablete de Chocolate Meio Amargo, picado

Modo de preparo

1- Bata no liquidificador os ovos com a metade do leite, a manteiga, o açúcar, o Chocolate em Pó e a farinha peneirada com o fermento

2 - Despeje esta mistura numa assadeira retangular untada
3 - Leve ao forno médio por cerca de 25 minutos
4 - Forre uma fôrma redonda (25cm de diâmetro) com papel de alumínio
5 - Faça uma camada com metade do bolo esfarelado e umedeça com uma parte do leite restante
6 - Espalhe o sorvete e faça outra camada de bolo esfarelado e umedecido
7 - Cubra e leve ao freezer para endurecer
8 - Aqueça o Creme de Leite em banho-maria
9 - Desligue o fogo, junte o Chocolate picado e mexa até derretê-lo
10 - Desenforme o bolo e cubra-o com o creme de chocolate
11 - Decore com chocolate em raspas ou granulado e sirva

Reflexão de Natal

Estamos a poucos dias de comemorarmos a data que deveria ser o maior aconteci-mento dos tempos: o nascimen-to de Jesus.

Há, porém, uma tristeza indelével pairando no ar.

Pessoas que vão e vêm pelas ruas, preocupadas apenas com os presentes que irão oferecer aos filhos, pais, parentes ou amigos.

Outros, porém existem, que sofrem nesse dia a perda irreparável de entes queridos que não irão estar presentes às comemorações, esquecendo-se de que a vida é eterna e que só morremos realmente, quando deixamos de acreditar em nossos sonhos.

Alguns sofrem por estarem longe de seus filhos, pais ou irmãos  que estão distantes.

Há aqueles que sofrem por não terem condições financeiras de oferecer aos filhos o tão esperado presente de “Papai Noel” e talvez nem mesmo dinheiro possuam para comprar um alimento  para ser  servido à mesa no dia de Natal.

E o verdadeiro sentido desta data, onde entra?

Jesus não veio ao mundo para que seu nascimento fosse comemorado com bens materiais.

Jesus veio ao mundo para que nossa visão de vida ganhasse um novo sentido de esperança.

Veio nos ensinar a deixar de lado nosso egoísmo; veio nos ensinar o amor ao próximo, mas não aquele amor que só ama aos que realmente estão próximos a nós; isso é fácil!

Jesus veio nos ensinar que devemos estender nossa visão para além daquilo que conseguimos enxergar.

E existe muito, muito mesmo o que se ver.

Pessoas se preocupam demais com coisas que vistas pelo lado espiritual, perdem sua importância.

Jesus veio pregar o amor, a compreensão, o desapego, a caridade e a solidariedade.

Amor que deve se estender a todos os seres vivos.

Desapego aos bens materiais, porque ao nascer não trazemos nada nas mãos, a não ser o desejo de aprender e crescer espiritualmente e ao partir levamos apenas as nossas experiências de vida.

Solidariedade e caridade para com o irmão necessitado do pão para seu corpo sim, mas muito mais do pão para sua alma.

E essa solidariedade e caridade, não devem ser praticadas apenas no decorrer das festividades de Natal e Ano Novo.

Devem ser postas em prática a vida inteira, assim como Jesus nos ensinou.

Pessoas existem que se confraternizam nesta época do ano, se perdoam mutuamente as ofensas trocadas, apertam as mãos, se abraçam, cantam, bebem e riem juntos, mas no dia seguinte, quando a vida volta ao normal, todas as promessas são esquecidas e cada qual retoma sua vida e seus propósitos se dissolvem no ar feito fumaça.

O mesmo egoísmo volta a dominar suas vidas.

O Natal é uma data bonita que deve ser comemorada com a alma, com alegria, com amor.


Jesus nasceu com o objetivo claro e único de dar a vida por nós, para nos salvar.

Vamos procurar mostrar a ELE que seu sacrifício não foi em vão.

Pense nisto: vamos procurar fazer deste Natal não apenas mais uma data em que trocaremos presentes, abriremos champanhe e brindaremos junto aos nossos mas, sim, uma data de renovação de nossos propósitos de vida e de renascimento interior.

 
FELIZ NATAL!
Rose Mori

Tendência & Moda






Ti-ti-ti da moda



  Quando o assunto é calçado, boa parte do público feminino logo se interessa e se mostra disposto a gastar boas quantias nos variados modelos que vão se firmando como tendências para as próximas estações. E se tem um sapato, em específico, que leva às mulheres à loucura, é a sandália!



  Sempre bastante relacionada com a personalidade e estilo da mulher, essa peça conquista o seu público e vem construindo uma relação cada vez mais forte, já que a cada temporada mais e mais ela ganha espaço nas sapateiras femininas.Com lugar garantido em todos os verões, para a estação de calor de 2011 essa constante não será diferente; as sandálias prometem arrebatar e despertar o desejo de compra dessas mulheres com seus variados modelos e saltos ainda mais altos!



Novos modelos em estilos inusitados chegarão às lojas e vitrines arrancando suspiros. Sensuais, as sandálias terão diferentes modelos que agradarão os variados gostos femininos. Coloridas nos sete tons do arco-íris, elas contam ainda com todo o glamour que strass e cristais oferecem para serem acessórios de destaque nos looks.

  Tiras mais finas e sexies dividirão espaço com as versões de tiras largas e marcantes. Para os saltos as novidades são muitas, mas o que todos terão em comum é a altura. Esculturais, em acrílico, couro ou madeira, finos ou grossos, plataformas e saltos com design diferenciado chegarão às prateleiras já na primavera de 2010.

  Modelos como o meia-pata e o peep-toe continuarão em alta. As gladiadoras também terão espaço reservado, com a diferença de que nessa temporada elas vêm em versões mais altas, além das rasteirinhas que já fazem bastante sucesso pelas ruas do Brasil.

  Sapatos criativos e arrojados comprovam o empenho e criatividade dos designers que combinam humor, praticidade e tecnologia ao desenvolver as propostas para a estação. Atente para o seu estilo e preferências para correr e providenciar logo o seu!




Vianna Calçados

(12) 3907-7110

Av.: Benedito Albino Tomaz, 309 Jd. Paraíso do Sol

Josefina Holanda

E vem chegando ao fim!

Faltam poucos dias para ele ir embora, levando consigo vitórias, frustrações, perguntas não respondidas, esperanças e tantos outros sentimentos que se misturam com a hora do “balanço do fim de ano´´.

Ninguém sabe se chegou, se não sabia para onde ia. Nestes últimos anos muita gente vai, vai, vai, vai indo, não por falta de sonhos ou objetivos, mas muitas vezes por falta de esperança e confiança.

Sempre que vai acabando um ano e começando o outro renovamos nossos votos e nossas promessas, nossos planos, nossos..., nossos... “todos os nossos...´´, mas nem sempre os de DEUS.

“ Certa vez DEUS confrontou Israel com seus sonhos e os planos DELE.

Israel sonhava com sua estabilidade, seu poder, seu domínio, seu orgulho, sua força.

Deus planejava espalhar, enfraquecer, humilhar e acima de tudo ensinar esse povo que suas promessas são verdadeiras e Ele cumpre todas as abençoadoras e também as disciplinadoras .

Israel foi levado cativo à Babilônia, perdeu todo seu domínio, seu orgulho mas encontrou o Senhor, que estava tão perto e os amava tanto, mas não era invocado, nem procurado, por isso não era achado; ainda” .

Eram seus sonhos, de Israel, e não os planos de Deus.

O livro de Jeremias, o profeta conta a história do exílio e também os planos de Deus, seu poder de restauração, seu amor, sua fidelidade.

Leia, medite, aprenda e creia que o Senhor sempre tem o melhor e na dependência Dele, planeje 2011.

Se disponha, se consagre, se doe, se encontre nos planos do Senhor então; você poderá começar a sonhar com a Paz, a Felicidade, que você tanto deseja.

Não de desespere nem desanime, antes confie, busque e encontre o Senhor e os seus planos de Amor.

Porque Eu bem sei os pensamentos que tenho para vos diz o Senhor, pensamentos de paz e não de mau, para vos dar o fim que esperais. Então me envocareis e orarás e Eu vos ouvirei .

E buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração.

Jeremias 29: 11-13
 
Um abençoado 2011

Josefina Holanda

Lua de Cristal

Música

A Paz   ( Grupo Roupa Nova)

Tom: F#


Intro: F# B Bbm B
 

Deve haver um lugar dentro do seu coração

Onde a paz brilhe mais que uma lembrança

Sem a luz que ela traz já nem se consegue mais

Encontrar o caminho da esperança



Sinta, chega o tempo de enxugar o pranto dos homens

Se fazendo irmão e estendendo a mão





Só o amor, muda o que já se fez

E a força da paz junta todos outra vez

Venha, já é hora de acender a chama da vida

E fazer a terra inteira feliz


Se você for capaz de soltar a sua voz

Pelo ar, como prece de criança

Deve então começar outros vão te acompanhar

E cantar com harmonia e esperança


Deixe, que esse canto lave o pranto do mundo

Pra trazer perdão e dividir o pão


Só o amor, muda o que já se fez

E a força da paz junta todos outra vez

Venha, já é hora de acender a chama da vida

E fazer a terra inteira feliz



Quanta dor e sofrimento em volta a gente ainda tem

Pra manter a fé e o sonho dos que ainda vêm

A lição pro futuro vem da alma e o coração

Pra buscar a paz, não olhar pra trás, com amor


Se você começar outros vão te acompanhar

E cantar com harmonia e esperança




Deixe, que esse canto lave o pranto do mundo

Pra trazer perdão e dividir o pão


Só o amor, muda o que já se fez

E a força da paz junta todos outra vez

Venha, já é hora de acender a chama da vida

E fazer a terra inteira feliz


Só o amor, muda o que já se fez

E a força da paz junta todos outra vez

Venha, já é hora de acender a chama da vida

E fazer a terra inteira feliz

Só o amor, muda o que já se fez

E a força da paz junta todos outra vez

Venha, já é hora de acender a chama da vida

E fazer a terra inteira feliz


Venha, já é hora de acender a chama da vida


E fazer a terra inteira feliz





Inteira feliz Inteira feliz Inteira feliz

Meu Bicho de Estimação

Este é o Apolo, um cão da raça Pit Bull .
Fica nossa mensagem de agradecimento à todos que estiveram conosco em 2010 e o desejo de um Ano Novo repleto de realizações!!! Tobby Pet

http://www.tobbypet.com.br/

Você sabia?!?
  Pit Bull é um termo genérico que se refere a um conjunto de raças de cães, incluindo (mas não se limitando) ao American Pit Bull Terrier, o American Staffordshire Terrier e o Staffordshire Bull Terrier, e os cruzamentos entre essas raças. Costuma-se usar o termo Pit Bull para designar a raça American Pit Bull Terrier.
  Por equívocos e clamor público, o Pit Bull foi banido em alguns países como o Canadá. Na Inglaterra sua criação é autorizada apenas pela justiça. Nos Estados Unidos, baniram a criação em vários estados com muitos outros empregando pesadas restrições na posse do animal. No Brasil, não há legislação específica, porém a cada fatalidade reportada na mídia, na massacrante parte das vezes de forma completamente errônea (como intitular cães sem raça definida, vulgo vira-latas, como exemplares da raça APBT), inflama o debate na sociedade por leis mais rígidas e punição aos donos.






Meio Ambiente

O TEMPO DEVE ESTAR LOUCO



  Pergunte aos mais velhos se o tempo era assim antigamente. Provavelmente dirão que não.

  O homem moderno alterou drasticamente o nosso sagrado meio ambiente.
Este frágil equilíbrio conquistado depois de milhões de anos de evolução foi perturbado e o futuro da vida inteligente na Terra está em cheque.
  O Aquecimento Global é facilmente comprovado pelas plantas que florescem em pleno inverno. A primavera tem se antecipado em diversas partes do mundo. O fenômeno pode ser sentido não só nos termômetros e nas plantas mas na nossa própria pele. Para piorar este cenário quente, as tempestades estão ficando mais fortes e imprevisíveis.
  Se você acha que o que estão falando sobre as mudanças climáticas é exagero, abra os olhos. O clima já mudou bastante, mas pode ficar muito pior...


 

Lançamento do livro de Rita Elisa

Visão Vale presente no lançamento Eugênia Sereno  Aguardem!!!

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Editorial




Caro Leitor

Saber Viver, “Poema intitulado a Cora Coralina”, é a mensagem que desejamos transmitir nesta edição.










Saber Viver
Não sei… Se a vida é curta
Ou longa demais pra nós,
Mas sei que nada do que vivemos
Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo,
É o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela
Não seja nem curta,
Nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira, pura… Enquanto dura.

 





Escritora Lobatense - Máh Luporini


À minha Mãe Norma Helena

Não é preciso palavras para amar

Espaços lentos de um outono amadurecido

Une-nos como um rio que deságua em alto-mar

Adormeço, no espaço morno e silencioso do teu ventre.

 Máh Luporini
 O livro “Ausências” da escritora lobatense Máh Luporini é uma coletânea de pequenos poemas. A publicação possui títulos como “Renascer”, “Ritual” e “Noite”.

Poemas

HÁ QUEM PASSE PELA VIDA...



  Há quem passe e deixe só cicatrizes, há quem passe semeando flores.

  Há quem passe banhando-nos em lágrimas, há quem passe disposto a secá-las.

  Há quem passe torcendo por nossa vitória, há quem passe aplaudindo nossos fracassos.

  Há quem passe ajudando-nos a levantar, há quem passe fazendo-nos cair.

  Há quem passe como sombra, há quem passe como luz.

  Há quem passe como pedra no caminho, há quem passe como pedra de construção.

  Há quem para todo deslize veja uma falha irreparável, há quem nos ofereça o perdão.

  Há quem ignore nossos erros, há quem nos ajude a corrigir.

  Há quem passe rápido, veloz, despercebido, há quem deixe marcas profundas.

  Há quem simplesmente passe, há quem fique para sempre no coração.

  Há quem passe pela vida, mas, há quem não deixe a vida passar

  Sem um gesto de carinho, sem o AMOR ofertar!

Regina Célia Suppi

Crônica - Rita Elisa


Foto: José Antônio Braga Barros 

Passei vários dias procurando um par de asas de anjo, necessitava delas para uma poética apresentação. 
  Pedi aos amigos, fui às paróquias e até mesmo aos museus. Os amigos não possuem asas, nas paróquias não há estoque de asas e no museu o par de asas é tombado como patrimônio... sem condições de voar.

  Pensei em me apresentar com anjo sem asa. Mas, o que há de mais atrativo em um anjo são as asas. Lembrei-me do meu anjo da guarda... e ainda mais, lembrei-me das diversas formas de se conseguir as asas de um anjo, segundo Marina Colasanti, certa mulher que não suportava mais a solidão em que vivia resolveu tomar formicida e na hora exata, ouviu batidas na porta, era o seu tão querido anjo da guarda que vinha em seu socorro. Daí, a mulher, para deixar de ser só, colocou no pé do anjo uma argola de ferro e o prendeu no poleiro. É claro que ela aparou as asas do anjo, para que ele não voasse mais. Achei brutal demais, teria de cortar as asas de meu anjo, algo injusto, desisti da idéia. Depois me veio uma imagem linda de Deus com asas, como disse Rainer Maria Rilke em seu livro a respeito de Deus, que de vez em quando Deus paira o olhar sobre uma nação, como se fossem asas. Talvez eu conseguisse as asas de Deus, talvez não... estaria Ele olhando exatamente para essa linda cidade?

  Na verdade eu só queria fazer uma alegoria junto à mensagem poética de um anjo em forma de Mãe. Tudo por um poema. Amo a poesia e ia participar de um sarau junto com amigos poetas. Nada mais justo que deixar a criatividade aflorar... em poesia. Sim, no toque leve de um poema. Como escreveu Walt Whitman em suas Folhas das Folhas de Relvas: “Seja você quem for, / agora eu ponho em você a minha mão /para que você seja o meu poema (...)”. O encantamento da poesia me levou às nuvens. Creio que minhas asas é a poesia, é o que me faz voar, superar barreiras, olhar o horizonte mais distante e voar na direção certa, sem reservas, sem medo, trans-pondo todos os obstáculos.

  Para minha surpresa me lembrei de uma história mais forte, algo que sempre faz com que eu repense o valor da alegria e do sofrimento. Havia um homem que dormia tran-qüilo à margem de um rio, sossegado, feliz. Acordou, durante a noite, com o peso de uma pessoa o prendendo ao solo, ele tentou educadamente se esquivar da pessoa, não conseguiu, assustado lutou para sair; mas a pessoa era forte, manteve o homem preso ao chão. A luta durou horas. Esse homem, durante a luta, foi ferido na perna. O dia clareou e o homem continuou preso ao chão. Até que os primeiros raios de sol deixaram à mostra a figura de com quem ele estava lutando... um anjo. O anjo levantou-se, o homem se viu livre, porém, vislumbrado, pediu ao anjo uma benção. A benção do anjo foi rápida, ele tocou na perna do homem, bem no ferimento, fazendo com que a ferida nunca cicatrizasse. Uma dor que às vezes nem era sentida, outras vezes latejante, uma maneira de manter viva a lembrança. Mostrando que às vezes coisas ruins acontecem e são bênçãos de anjo, coisas que não podemos entender e, por isso, algumas vezes, lutamos com nosso próprio guardião que nos impede a todo custo de algo trágico. Nossa noite escura. Mas, quando o dia amanhece passamos a conhecer o cuidado divino por nós, pela nossa finitude.

  Histórias de anjo há muitas, asas de anjo nem tanto. Depois de muito procurar achei um par de asas em uma casa de comércio de artigos de festas. Foi uma alegria sair daquela loja levando embaixo do braço um par de asas... se bem que na verdade preferia ter saído de lá com essas asas em cima dos ombros, voando em pleno centro da cidade, sob olhares dos transeuntes que me apontariam como uma poeta louca em forma de anjo.



Rita Elisa Seda

Cronista, poeta, biógrafa, fotógrafa e jornalista.
 
 
 

Publicidade

Aguardem!

Reflexão

APROVEITE CADA MOMENTO


  Um amigo meu abriu a gaveta da cômoda de sua esposa e pegou um pequeno

pacote embrulhado com papel de seda:

  "Isto - disse - não é um simples pacote."

  Tirou o papel que o envolvia e observou a bonita seda e a caixa.

  "Ela comprou isto na primeira vez que fomos a Nova York, há uns 8 ou 9 anos. Nunca o usou. Estava guardando-o para uma ocasião especial. Bem, creio que esta é a ocasião."

  Aproximou-se da cama e colocou a prenda junto com as outras roupas que ia levar para a funerária.

  Sua esposa tinha acabado de morrer. Virando-se para mim, disse:

  "Não guarde nada para uma ocasião especial. Cada dia que se vive é uma ocasião especial".

  Ainda estou pensando nestas palavras... já mudaram minha vida. Agora estou lendo mais e limpando menos. Sento-me no terraço e admiro a vista sem preocupar-me com as pragas. Vivo mais tempo com minha família e menos tempo no trabalho.

  Compreendi que a vida deve ser uma fonte de experiências a desfrutar, não para sobreviver. Já não guardo nada.

  Uso meus copos de cristal todos os dias. Coloco uma roupa nova para ir ao supermercado, se me dá vontade.

  Já não guardo meu melhor perfume para ocasiões especiais, uso-o quando tenho vontade.

  As frases "algum dia..." e "qualquer dia..." estão desaparecen-do de meu vocabulário.

  Se vale a pena ver, escutar ou fazer, quero ver, escutar ou fazer agora.

  Não estou certo do que teria feito a esposa de meu amigo se soubesse que não estaria aqui para a próxima manhã que todos nós ignoramos.

  Creio que teria chamado seus familiares e amigos mais próximos. Talvez chamasse alguns amigos antigos para desculpar-se por possíveis desgostos do passado.

  Gosto de pensar que teria ido comer comida chinesa, sua fa-vorita.

  São estas pequenas coisas deixadas por fazer que me fariam desgostoso se eu

soubesse que minhas horas estão limitadas.

  Desgostoso, porque deixaria de ver amigos com quem iria encontrar, cartas que pensava escrever "qualquer dia destes".

  Desgostoso e triste, porque não disse a meus irmãos e meus filhos, com suficiente freqüência, que os amo. Agora, trato de não atrasar, adiar ou guardar nada que traria risos e alegria para nossas vidas.

  E, a cada manhã, digo a mim mesmo que este será um dia especial.

 Cada dia, cada hora, cada minuto, é especial.

Vianna Calçados



Quando o assunto é calçado, boa parte do público feminino logo se interessa e se mostra disposto a gastar boas quantias nos variados modelos que vão se firmando como tendências para as próximas estações. E se tem um sapato, em específico, que leva às mulheres à loucura, é a sandália!

Sempre bastante relacionada com a personalidade e estilo da mulher, essa peça conquista o seu público e vem construindo uma relação cada vez mais forte, já que a cada temporada mais e mais ela ganha espaço nas sapateiras femininas.Com lugar garantido em todos os verões, para a estação de calor de 2011 essa constante não será diferente; as sandálias prometem arrebatar e despertar o desejo de compra dessas mulheres com seus variados modelos e saltos ainda mais altos!

Aderindo um caráter bastante ousado para a moda, a primavera verão 2010/2011 traz tendências que nos fazem criar muitas expectativas a respeito das coleções que estão por vir.

Novos modelos em estilos inusitados chegarão às lojas e vitrines arrancando suspiros. Sensuais, as sandálias terão diferentes modelos que agradarão os variados gostos femininos. Coloridas nos sete tons do arco-íris, elas contam ainda com todo o glamour que strass e cristais oferecem para serem acessórios de destaque nos looks.

Tiras mais finas e sexies dividirão espaço com as versões de tiras largas e marcantes. Para os saltos as novidades são muitas, mas o que todos terão em comum é a altura. Esculturais, em acrílico, couro ou madeira, finos ou grossos, plataformas e saltos com design diferenciado chegarão às prateleiras já na primavera de 2010.

Modelos como o meia-pata e o peep-toe continuarão em alta. As gladiadoras também terão espaço reservado, com a diferença de que nessa temporada elas vêm em versões mais altas, além das rasteirinhas que já fazem bastante sucesso pelas ruas do Brasil.

Sapatos criativos e arrojados comprovam o empenho e criatividade dos designers que combinam humor, praticidade e tecnologia ao desenvolver as propostas para a estação. A primavera verão 2010 2011 se firma, então, como uma estação de grandes novidades, onde o calçado oficial e explicitamente necessário para todas as mulheres é a sandália de salto alto; atente para o seu estilo e preferências para correr e providenciar logo o seu!

Neste Natal, ótimas dicas para o Papai Noel!








Mensagem

Vida Abundante em Jesus

O que vem na sua mente ao ouvir a frase: “Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância”?

Ao ouvir estas palavras, muitas pessoas acabam tendo uma interpretação errada com respeito à promessa de vida abundante feita por Jesus. Muitos associam esta “vida abundante” a uma vida farta, cheia de riquezas materiais, prosperidade financeira e conforto. Mas será que Jesus veio somente para nos dar uma vida cheia de regalias e riquezas passageiras no qual, a traça e a ferrugem corroem?

A vida em Jesus vai muito além das “maravilhas” materiais que este mundo pode nos oferecer. Pois Jesus é tão infinito que não se limita às coisas passageiras desta terra. Coisas que, por um momento, nos fazem “completos”, mas como uma droga o seu efeito passa, vindo a depressão, o desespero, a angústia e logo precisamos de outra para satisfazer-nos, tornando assim um ciclo inter-minável em busca de abundân-cia.

"E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste" (João 17:3). É ai que está o segredo da vida: "CONHECER A DEUS". É essa, a vida abundante que o Senhor nos promete, pois nEle encon-tramos tudo que precisamos para sermos completos.

A paz que excede todo entendimento, o amor, a feli-cidade, a plenitude,” A VIDA” e muito mais está em Jesus. Somente Ele pode preencher o vazio que há dentro do homem.

Ele deseja ter um relaciona-mento íntimo e profundo com cada homem e mulher desta terra. Muito mais do que sim--plismente nos salvar, Jesus veio ao mundo para reestabelecer este relacionamento.

Decida hoje não mais viver de aparência, enganando a si mesmo.

Decida hoje viver a VIDA ABUNDANTE EM JESUS.
 Fonte: projetopescar7.blogspot.com

publicidade

Para você que vai Construir ou Reformar sua casa:




A Fazol se destaca no mercado por atender a construção civil, com aço em BARRAS ou CORTADA, DOBRADA, MONTADA em qualquer quantidade desejada, entregue no local ou retirado em nossas instalações. Executamos a montagem da ferragem de acordo com o seu projeto e fazemos orçamento sem compromisso!








A Fazol entrega a quantidade necessária para a sua obra. Alguns dos itens que dispomos
para entrega imediata: vergalhões aço CA-50 E CA-60 - telas de aço soldada - arame recozido - pregos
entre outros. Com a intenção de oferecer sempre o melhor preço, agilidade nas entregas e, acima de tudo, seriedade, a Fazol coloca à disposição sua equipe de vendas.






Endereço: Av. Tancredo Neves, 384 Vl. Araujo – SJC - SP

(Na descida do Gás sentido ao N. Horizonte)



Fone: (12) 3907-3001 Fax: 3907-3151



Confira!!!

Música


DO LADO DE CÁ



Chimarruts


A E

Se a vida as vezes da uns dias de segundos cinzas

F#m D9

e o tempo tic taca devagar

Bm F#m

Ponha o teu melhor vestido, brilha teu sorriso

D A

Vem pra cá, vem pra cá



A E

Se a vida muitas vezes só chuvisca, só garoa

F#m D

e tudo não parece funcionar

Bm F#m

Deixe esse problema a toa, pra ficar na boa

A

Vem pra cá





F#m D

Do lado de cá, a vista é bonita

A E

a maré é boa de provar

F#m D

Do lado de cá, eu vivo tranquila

A C#7

E o meu corpo dança sem parar

Bm F#m E9

Do lado de cá, tem música, amigos e alguém para amar

( A E F#m D ) (2x)

Do lado de cá



(repete - refrão)


F#m/E F#m/Eb D7+

A vida é agora, vê se não demora,

Bm E

Pra recomeçar

F#m F#m/E F#m/Eb D7+

é só ter vontade de felicidade

Bm E

pra pular


(repete - refrão)

Aniversariante do Mês

Bruno



Desejamos a você muita paz, saúde e felicidades, que você continue sendo este menino sempre alegre e feliz.

Feliz aniversário,te amamos muito
 
Eliane, Vaguinho, Isabel e Matheus.